26/07/2016

O diplomata retratado nas mídias - Parte II

Como dito no primeiro post da série, aqui no blog, já falamos sobre o que as pessoas desconhecem sobre a vida dos familiares e dos diplomatas (link). Na maioria das vezes, imagina-se que a vida no meio diplomático é muito elegante, fina e cheia de glamour. Tenho tentado mudar essa visão, mas percebi que em boa parte, essa imagem se deve a como esse seguimento é retratado na mídia. Então, resolvi fazer uma série de novos posts, com filmes, documentários e novelas que retratam diplomatas (não necessariamente de forma fidedigna), pois achei interessante ver como se propaga um mito. 

Imagem: memoriaglobo.globo.com

A Novela Dancin' Days, de autoria de Gilberto Braga, direção de Daniel Filho, Gonzaga Blota, Dennis Carvalho e Marcos Paulo, exibida entre 10/07/1978 - 27/01/1979, teve 174 capítulos e uma trama que incluía um diplomata, interpretado por Antônio Fagundes. 

De acordo com a Rede Globo, a trama era a seguinte:

"Dancin’ Days é uma crônica de costumes urbana centrada na rivalidade entre duas irmãs: a ex-presidiária Júlia Matos (Sônia Braga) e a socialite Yolanda Pratini (Joana Fomm). Acusada de atropelar e matar um guarda-noturno, Júlia é condenada a 22 anos de prisão. Depois de cumprir metade da pena, ela consegue liberdade condicional. A partir de então tenta, de todas as formas, livrar-se do estigma de ex-presidiária. Seu primeiro desafio é reconquistar o amor da filha, Marisa (Gloria Pires). A menina foi criada por Yolanda que, com medo de perder a sobrinha, dificulta a aproximação entre mãe e filha.

Em sua luta para se reintegrar à sociedade, Júlia conhece o diplomata Cacá (Antonio Fagundes) e os dois vivem um romance atribulado ao longo de toda a história." 


Antônio Fagundes, como o diplomata Cacá - Imagem: memoriaglobo.globo.com

Ainda, de acordo com a Globo, 

"CACÁ (Antonio Fagundes) – Diplomata decepcionado com a profissão que escolheu por influência dos pais, Celina (Beatriz Segall) e Franklin (Cláudio Corrêa e Castro). É um homem atraente e simpático, ainda que reservado. Apaixona-se por Júlia (Sônia Braga), com quem vive um romance confuso. Ao longo da trama, rompe com sua família, deixa a carreira de diplomata e casa-se com Inês (Sura Berditchevsky), marcando uma reviravolta em sua vida. O reencontro com Júlia, no entanto, abala seu casamento. No final, já reconciliado com seu grande amor, apesar das intrigas criadas por seu pai, decide trabalhar com cinema."


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário!